UMA HORTA HIDROPÔNICA VERTICAL AMIGA DA SUSTENTABILIDADE

No verão de 2013, Paul Langdon, um engenheiro de informática de 43 de Wethersfield, Connecticut (EUA), decidiu apostar em uma horta sustentável, mas tinha dois problemas: o quintal da sua casa não tinha espaço suficiente para tal e plantar quase exclusivamente em vasos obrigaria a gastar muita água.

Então Paul decidiu fazer uma horta vertical para maximizar o seu potencial de cultivo e optou pela Hidroponia. Ao longo de duas semanas, Langdon e o seu amigo Curt Downing desenharam e criaram uma horta hidropônica vertical e compacta com capacidade para produzir 160 plantas – desde alface a coentro e manjericão – e tudo isso gastando menos 90% de água do que em uma horta normal. Ela é controlada a partir de um telefone celular, que por seu turno está ligado a um sistema computadorizado que registra e regula a água, a temperatura, os níveis de pH e os nutrientes. E agora outra surpresa: acredita que todos os materiais utilizados neste projeto custaram menos de 400 euros?

Em setembro, a dupla arrecadou o primeiro prêmio no New York Maker Faire, na categoria de sustentabilidade, uma categoria que encoraja as pessoas a desenhar e criar. E este é exatamente esse o fruto mais desejado por Langdon e Downing. “Não queremos ficar milionários à conta disto. Queremos ajudar pessoas a ajudar-se a si próprias.”

Compartilhe esta informação:

Posts Recentes

Carrinho

Nenhum produto no carrinho.

Finalizar compra