TECNOLOGIA PARA ALIMENTAR O MUNDO

Se o atual ritmo de consumo continuar, em 2050 será necessário 60% a mais de comida, 50% a mais de energia e 40% a mais de água, conforme relatório da Organização da ONU para a Alimentação e a Agricultura (FAO). A entidade defende que para responder à demanda dos habitantes do planeta, que deverão somar 9 bilhões daqui a 33 anos, são necessários esforços concertados e investimentos que promovam essa transição global para sistemas de agricultura e gestão de terra sustentáveis. Estas medidas implicariam no aumento de eficiência do uso dos recursos naturais – principalmente a água, energia e terra – mas também na redução considerável de desperdício de alimentos.

E como a Hidroponia e outros segmentos da horticultura brasileira poderiam contribuir para suprir a futura carência de alimentos? Em entrevista, o professor e pesquisador do Departamento de Produção Vegetal da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” da Universidade de São Paulo (Esalq-USP), Dr. Paulo César Tavares de Melo, analisou essa questão e abordou os avanços e desafios brasileiros nesta área.

Leia a entrevista completa na edição 20.

Ainda nesta edição:

Compartilhe esta informação:

Posts Recentes

Carrinho

Nenhum produto no carrinho.

Finalizar compra