RASTREABILIDADE DE HORTIFRUTIS JÁ É REALIDADE

As novas tecnologias e ferramentas de smartphones chegaram para facilitar a nossa comunicação, interação com as outras pessoas e trazer mais agilidade para as atividades do dia a dia. Pelas páginas da internet, já é possível realizar as compras do supermercado sem sair de casa. Prezando sempre pelo conforto do consumidor, o Termo de Cooperação Técnica de hortifrútis foi criado. A intenção é identificar a origem de alimentos de uma forma mais rápida e fácil.

O Termo de Cooperação Técnica tem como objetivo a difusão da rastreabilidade no mercado brasileiro. O programa é uma parceria entre a Associação Brasileira de Supermercados (Abras), o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e um iniciativa da Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa). Esse rastreamento faz parte do projeto que implementa o Programa de Rastreamento e Monitoramento de Alimentos (Rama).

A rastreabilidade é uma importante ferramenta para o consumidor chegar à origem do alimento e garantir sua qualidade, identificando o produtor e tendo acesso ao acompanhamento e registro de todas as fases operacionais do processo produtivo, desde a fonte da produção até a sua comercialização.

Como funciona

Os consumidores conseguem acessar as informações pelo código QRCODE. Muitos produtores já estão disponibilizando, nos rótulos dos alimentos, o código para leitura por meio das câmeras de smartphones que posteriormente são convertidos em textos ou endereços na internet. A pessoa que não possui esses celulares pode anotar o código e conferir a origem dos produtos em seu computador. Alguns supermercados já possuem totens próximos às gôndolas, nas quais os consumidores podem acessar as informações sobre determinado produto.

Segundo Giampaolo Buso, CEO da PariPassu de Florianópolis (SC), o monitoramento do uso de agrotóxico permitirá identificar os pontos de origem da contaminação pelos agroquímicos, que, segundo ele, ocorre, na maioria das vezes, por falta de orientação do produtor. “Com o monitoramento, conseguimos agir de forma mais efetiva junto ao produtor ou distribuidor”, afirma o responsável pelas coletas e análises técnicas.

A expansão

O Rama está programado para abranger a todos os Estados do Brasil por meio da sinergia de ações da Abras com as 27 associações estaduais de supermercados, que aderem ao programa e disseminam suas boas práticas para seus associados e fornecedores que participam do programa.

O programa, inspirado nas boas práticas de produção agrícola, prevê a implementação de atividades conjuntas que visam ao rastreamento e ao monitoramento do uso de agrotóxicos entre fabricantes de agrotóxicos e seus distribuidores, produtores rurais, distribuidores de frutas, verduras e legumes, comercializados pelas mais de 80 mil lojas do setor, espalhadas pelo país.

Compartilhe esta informação:

Posts Recentes

Carrinho

Nenhum produto no carrinho.

Finalizar compra