Embrapa lança campanha: “Hortaliça não é só salada”

O consumo adequado de hortaliças pode proteger de algumas doenças crônicas como diabetes, câncer, obesidade, síndrome metabólica, doenças cardiovasculares, além de melhorar os fatores de risco relacionados a essas doenças.

 

Nos últimos anos, os consumidores começaram a mudar seus padrões de alimentação com o crescente interesse no efeito dos alimentos para manter a saúde.

 

Hortaliças são conhecidas popularmente como verduras e legumes, e são alimentos saborosos e nutritivos que podem ser preparados de várias formas. Há uma recomendação diária de consumo de hortaliças pela Organização Mundial de Saúde. Aqui, no Brasil, existem campanhas de estímulo ao consumo desses alimentos e uma delas e a da  Embrapa Hortaliças que criou a campanha  “HORTALIÇA NÃO É SÓ SALADA”. 

 

O programa traz informações e dicas para deixar mais fácil a sua vida na hora de comprar,  conservar e preparar esses alimentos. Conheça!

 

PORQUE CONSUMIR HORTALIÇAS TODO DIA

Fontes ricas de vitaminas, minerais e fibras, as hortaliças são alimentos indispensáveis para uma dieta saudável. Seu baixo teor energético, faz com que seu consumo auxilie na prevenção e controle da obesidade. Indiretamente, ajuda na prevenção de outras doenças crônicas não transmissíveis, que podem ser agravadas com o excesso de peso.

 

Mas não basta apenas consumir - na busca de uma dieta saudável é recomendável alternar diferentes hortaliças durante as refeições. Nesse cenário, os vegetais são cada vez mais reconhecidos como essenciais para a segurança alimentar e nutricional. 

 

A produção de vegetais oferece uma oportunidade econômica para reduzir a pobreza rural e o desemprego nos países em desenvolvimento e é um componente-chave das estratégias de diversificação agrícola. 

 

PROJETO ENTRE EMBRAPA E EMATER 

O projeto HORTALIÇA NÃO É SÓ SALADA tem origem em um programa já concluído, de igual temática, chamado HORTALIÇAS: COMO COMPRAR, COMO CONSERVAR E COMO CONSUMIR.

 

Foi a partir de 1999 que três agrônomos (Milza M. Lana, Mário F. Melo e Fausto F. Santos) e duas economistas domésticas (Selma A. Tavares e Maria José L.F. Matos) resolveram  em parceria escrever uma série de cartilhas para o público em geral com dois objetivos principais:

 

  1. Contribuir para o aumento do consumo de hortaliças pela população brasileira, oferecendo várias opções de uso desses alimentos no dia a dia, por meio de receitas nutritivas, de baixo custo e fácil preparo; 

 

  1. Colaborar para a redução das perdas pós-colheita de hortaliças, com uma série de informações à população sobre os atributos de qualidade a serem considerados na hora da compra, assim como a importância do correto manuseio e acondicionamento das hortaliças, tanto no mercado ou feira como na residência.

 

A HIDROPONIA COMO IMPORTANTE ALTERNATIVA DE PRODUÇÃO

 

Diante disso, encontrar alternativas de produção mais rentáveis e sustentáveis é um importante diferencial. Os sistemas de cultivo hidropônico atendem esses requisitos e  garantem ganhos e cuidados ambientais na produção de hortaliças, pois foram projetados como uma forma  de cultivo de alimentos altamente eficiente em termos de espaço e recursos. Hoje, eles representam uma fonte considerável de produtos cultivados industrialmente.

Os vegetais são a fonte mais acessível de vitaminas e minerais necessários para uma boa saúde. Hoje, nem o poder econômico nem nutricional dos vegetais é suficientemente absorvido.

Para aproveitar o poder econômico dos vegetais, os governos precisarão aumentar seus investimentos na produtividade agrícola (incluindo variedades melhoradas, alternativas de defensivos biológicos e o uso de cultivo protegido), bom gerenciamento pós-colheita, segurança alimentar e acesso ao mercado. 

 

O consumo de vegetais deve, portanto, ser nutrido por meio de uma combinação de intervenções de oferta e comunicação. Nesse item, especialmente, estimulando a mudança de comportamento, enfatizando a importância de comer vegetais para uma boa nutrição e saúde.

 

Conheça mais sobre a campanha  aqui!

 

Andrea Weschenfelder

Plataforma Hidroponia – Editora WEB

MTB 10594

 

Tags: embrapa hortaliça hortaliça não é só salada

Compartilhar

Relacionados

Conversar no Whatsapp